Financiamento das administrações públicas recua -1,3 mil milhões até Setembro

Redução do financiamento junto dos bancos residentes justifica descida.

As administrações públicas reduziram o financiamento para menos 1,3 mil milhões de euros nos primeiros nove meses do ano, o que representa uma quebra quando comparado com o aumento de 300 milhões, reportado no mesmo período de 2018.

De acordo com dados do Banco de Portugal divulgados esta quinta-feira, desde Janeiro, as administrações públicas financiaram-se no exterior em 2,3 mil milhões de euros, enquanto junto de bancos residentes foi de -3,5 mil milhões de euros.

«O financiamento através de empréstimos líquidos de depósitos foi de -2,7 mil milhões de euros, valor que compensou o financiamento através de títulos de 1,3 mil milhões de euros», indica o BdP.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Sporting CP: partilhar é o maior presente de todos
Automonitor
Renault lamenta morte do pai dos Dacia Kwid, Sandero e Logan