Fundo soberano norueguês perde 115 mil milhões de euros com queda dos mercados

A carteira de ações do Fundo, a sua principal classe de ativos, acumula perdas de 22,8% em 2020.

O fundo soberano da Noruega, o maior do mundo, perdeu 1,33 mil milhões de coroas norueguesas (cerca de 115 mil milhões de euros) este ano com a quebra do mercado causada pelo coronavírus.

Este fundo, uma unidade do banco central norueguês, gere as receitas auferidas pela indústria de petróleo e gás.

O volume de ativos do fundo, que começou o ano com quase 1 trilião de euros, diminuiu 16,2%, apagando os ganhos de 20% alcançados em 2019.

A sua carteira de ações, a principal classe de ativos, acumula perdas de 22,8% já em 2020.

O colapso do valor do fundo devido à queda nos mercados e no preço do petróleo coincide com a nomeação de um novo CEO, a ser anunciado em breve pelo banco central norueguês que irá substituir Yngve Slyngstad.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Há uma nova forma de comprar a Marketeer online
Automonitor
VLV: O primeiro Peugeot elétrico que se estreou em… 1941