O negócio de petróleo do ano: consórcio fecha acordo de 20 mil milhões com gigante de Abu Dhabi

Este acordo é o maior investimento em infraestrutura de energia da região e o maior do mundo em 2020. Ele traz 10,1 mil milhões de dólares em investimentos estrangeiros diretos para os Emirados Árabes Unidos.

Um consórcio de seis investidores globais assinou um acordo de  20,7 mil milhões de dólares com a Companhia Nacional de Petróleo de Abu Dhabi (ADNOC), informou a empresa estatal de petróleo, esta terça-feira, citada pela ‘CNBC’.

Como parte do acordo, o grupo investirá 10,1 mil milhões para adquirir uma participação de 49% numa subsidiária recém-formada, a ADNOC Gas Pipeline Assets, com direitos de arrendamento de 38 gasodutos.

A ADNOC deterá uma participação maioritária de 51% e manterá a propriedade dos oleodutos, sendo que também vai gerir as operações e permanecerá responsável pelas despesas de capital.

Este é o maior investimento em infraestrutura de energia da região e o maior do mundo em 2020, segundo a Companhia Nacional de Petróleo de Abu Dhabi que acrescenta que a operação faz parte da sua estratégia para atrair capital estrangeiro e maximizar o valor de seus ativos.

As seis empresas envolvidas são Global a Infrastructure Partners, Brookfield Asset Management, fundo soberano de Cingapura GIC, Ontario Teachers ’Pension Plan Board, NH Investment & Securities e Snam.

“Estamos entusiasmados por concluir este acordo e, mais uma vez, fazer parceria com alguns dos principais investidores institucionais e de infraestrutura do mundo”, disse Sultan al-Jaber, diretor executivo do ADNOC Group e ministro de Estado dos Emirados Árabes Unidos.

o″É de facto uma conquista enorme, especialmente devido ao atual ambiente económico e ambiente de negócios desafiador, e é uma prova de Abu Dhabi e da posição dos Emirados Árabes Unidos como um destino de investimento confiável, confiável e credível”, disse, à CNBC, Hadley Gamble.

Ler Mais
Notícias relacionadas
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Eventos digitais: tendências, vantagens e preocupações
Automonitor
Covid-19: SEAT doa 100 mil euros para projeto #YoMeCorono