Pêra e vinhos portugueses protegidos contra imitações

Acordo entre União Europeia e China garante protecção para 100 Indicações Geográficas europeias e 100 chinesas.

Os vinhos do Alentejo, Dão e Douro, Vinho Verde e do Porto e a Pêra Rocha do Oeste passaram a estar protegidos contra imitações e usurpações, ao abrigo de um acordo bilateral realizado entre a União Europeia e a China.

Segundo um comunicado da Comissão Europeia, o acordo prevê a protecção de 100 Indicações Geográficas (IG) europeias na China e de 100 IG chinesas na UE.

Este acordo, cujo compromisso foi firmado em Abril deste ano, deverá resultar em benefícios comerciais para os dois mercados.

A China é o segundo maior destino das exportações agro-alimentares da UE, tendo alcançado os 12,8 mil milhões de euros entre Setembro de 2018 e Agosto deste ano. «É ainda o segundo destino de exportação de produtos protegidos pela IG, representando 9% do seu valor, incluindo vinhos, produtos agro-alimentares e bebidas espirituosas», refere a Comissão Europeia em comunicado.

Entre os 100 produtos europeus agora protegidos está o whiskey irlandês, a vodca polaca, presunto de Parma e o queijo Manchego espanhol. Do lado chinês, encontra-se o Pixian Dou Ban (pasta de feijão Pixian), o Anji Bai Cha (chá branco Anji), o Panjin Da Mi (arroz Panjin) e o Anqiu Da Jiang (gengibre Anqiu).

O acordo, após as aprovações necessárias, deverá entrar em vigor  antes do final do próximo ano.

Ler Mais
Notícias relacionadas
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Sporting CP: partilhar é o maior presente de todos
Automonitor
Usados Renault Trucks em campanha