Portugal na 5ª posição entre os países com maior desigualdade na distribuição dos rendimentos

O país está ainda acima da média europeia no que se refere à taxa de risco de pobreza.

Portugal é o 5º país da União Europeia ainda a 28 com a maior desigualdade na distribuição de rendimentos, apenas abaixo da Bulgária, Lituânia, Letónia, e da vizinha Espanha.

De acordo com o mais recente relatório “Retrato de Portugal na Europa”, da Pordata, a Eslováquia, em 28º, a Eslovénia e a Republica Checa são os países onde a desigualdade de rendimentos é menor.

O mesmo documento refere ainda que Portugal se encontra em 19º no que se refere ao rendimento médio anual das famílias medido pelo poder de compra, com 12.924 euros, numa lista dominada pelo Luxemburgo, com 33.811 euros, Áustria, Alemanha, França e Países Baixos. A Roménia, com 5.915 euros, Hungria, Bulgária, Croácia e Grécia, são os países onde o rendimento médio das famílias é mais baixo dentro da UE28.

No que se refere à taxa de risco de pobreza, após transferências sociais, o país encontra-se acima da média europeia, em 11º lugar, com 18,3%, num ranking encabeçado pela Roménia, com 23,6%, Bulgária e Lituânia. Já a República Checa, a Finlândia e a Eslováquia são os países com a menor taxa de risco de pobreza.

A poupança das famílias portuguesas, no total do rendimento que têm disponível, é de apenas 5,1%, encontrando-se o país na 17ª posição. O Luxemburgo, a Suécia e a Alemanha estão no topo da lista, enquanto a Roménia, a Grécia e o Chipre ocupam os lugares inversos.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...

Multipublicações

Marketeer
Nova Kinda de Oeiras tem um corredor infinito e um Design Studio
Automonitor
Cepsa Black Week começa esta sexta-feira